logo
Top
Indústria farmacêutica

A Inteligência Artificial na indústria farmacêutica: seu impacto em diferentes áreas do negócio

Os desafios enfrentados no dia a dia pela indústria farmacêutica não são poucos. Vão desde as frequentes mudanças regulatórias até o avanço tecnológico, passando ainda pela concorrência, a logística e o controle de qualidade. Todos esses elementos geram uma quantidade incrível de dados — e, como consequência, um novo desafio: lidar e aprender com eles.

Os dados e suas diferentes fontes precisam ser organizados, e hoje o mercado já conta com soluções analíticas que permitem aos gestores ter uma visão global da empresa. Alimentando-se de dados e processando-os de forma ágil, as soluções baseadas em Inteligência Artificial facilitam a tomada de decisão e desempenham um papel crítico no sucesso de uma organização. Mas como isso ocorre na prática na indústria farmacêutica? É essa a resposta que trazemos a seguir!

Como funcionam as soluções baseadas em Inteligência Artificial na indústria farmacêutica?

Você já parou para pensar na quantidade enorme de dados gerados pela indústria farmacêutica e todos os mercados que ela movimenta? As relações entre médicos, pacientes e hospitais, o varejo farmacêutico, as áreas de pesquisa e desenvolvimento das empresas e universidades, entre outros segmentos, geram uma infinidade de dados que podem trazer vantagem competitiva se bem utilizados.

A forma como uma medicação é receitada, a maneira como ela é consumida, as descobertas científicas que a envolvem, a forma como o produto é propagandeado e vendido, entre outros fatores, proporcionam à indústria farmacêutica um conhecimento valioso. Esses dados podem gerar novas ideias e direcionar as estratégias de negócio para caminhos ainda não explorados, o que impacta diretamente no crescimento das empresas e do segmento como um todo.

Usando algoritmos específicos, a Inteligência Artificial extrai dessa massa de dados, informações riquíssimas que são utilizadas para suportar melhores decisões. Essas informações dificilmente viriam à tona simplesmente usando métodos convencionais ou empíricos.

Quais os seus principais benefícios?

Os benefícios proporcionados pela Inteligência Artificial na indústria farmacêutica são muito claros, com destaque para o supply chain e o marketing. Acompanhe!

Supply Chain

O planejamento integrado das operações de compras, produção e logística pode identificar oportunidades de otimização e melhor atendimento dos clientes.

Marketing

Um gerenciamento ágil de dados com suporte tecnológico viabiliza o acesso a informações de pacientes, lojas, hospitais, médicos e outros consumidores. Isso permite entender a demanda por determinados produtos e em quais áreas geográficas eles são mais consumidos, além de trazer um melhor entendimento da eficácia dos investimentos de marketing.

Além dessas áreas, destacam-se ainda avaliações mais realistas do desempenho operacional da indústria, maior agilidade na análise de dados complexos em setores como o de pesquisa e desenvolvimento, pareceres de dados clínicos mais completos e ágeis e um aproveitamento maior das informações proporcionadas por equipamentos com acesso à internet.

Já é possível ter acesso a tecnologias que facilitam a gestão de dados no Brasil. Há mais de três décadas, a UniSoma investe em soluções de Inteligência Artificial. A empresa conta com cases importantes do mercado nacional e continua movida por sua capacidade de propor inovações para a indústria farmacêutica e para o mercado em geral.

Ficou interessado? Entre em contato com a gente para saber mais!

*Michel Duran é Gerente de Marketing e Vendas da UniSoma

É Bacharel em Matemática Aplicada e Computacional pela Unicamp e possui MBA em Gestão de Empresas pela ESPM.